Skip to Content

CRM para Saúde e Atendimento ao Paciente

CRM para saúde e atendimento ao paciente

Entenda a importância das tecnologias de cloud computing para profissionais e empresas da saúde e como elas auxiliam no atendimento ao paciente.

Quando pensamos em negócios da indústria da saúde, é normal questionar como funciona o relacionamento com o cliente. Muito além de clientes, nesse segmento, o relacionamento acontece com pacientes – são pessoas que esperam que empresas e profissionais estejam à disposição a qualquer momento, independente da situação, para ajudá-las em emergências, cuidados e no seu bem-estar ou de pessoas próximas.

State of Connected Customer

O que é mais importante para os clientes de hoje? Baixe nosso relatório e confira Insights de mais de 13.000 consumidores em todo o mundo.

state of the connected Customer

Atendimento ao paciente

Os clientes exigem um relacionamento baseado na credibilidade, segurança e rapidez, além de um atendimento de excelência no que diz respeito aos cuidados e às respostas para suas perguntas, dúvidas, medos e necessidades. Em um contexto de atendimento ao paciente, a experiência do cliente é ainda mais essencial, pois a relação entre médico e paciente é baseada em vínculos de confiança, uma vez que estes estão contanto com os profissionais para cuidar da saúde.

Sabemos que as novas tecnologias e, consequentemente, as transformações na maneira como as pessoas se comunicam, interagem e se conectam, impactaram para sempre no relacionamento dos consumidores com as empresas e no que eles esperam delas. Os clientes estão acostumados com o atendimento e a agilidade das empresas e instituições disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana, nos mais diferentes canais tanto online quanto offline. O nível de exigência está altíssimo; e para clínicas, hospitais, seguradoras e outros provedores de saúde, não é diferente.

Agora, com um conhecimento maior sobre a área, as pessoas estão mais questionadoras e se envolvendo cada vez mais nas suas próprias necessidades de saúde, consultando a web para diagnósticos, dúvidas e tratamentos. Elas não estão mais satisfeitas apenas com um atendimento no balcão, por exemplo, e buscam respostas que vão além das consultas ou visitas às unidades de saúde mais próximas. Logo, se espera que os provedores estejam acompanhando essa demanda por informações instantâneas e disponibilidade, certo?

Leia também: Health tech, um guia completo sobre o mercado

Por que empresas de saúde precisam investir em cloud computing?

A quarta revolução industrial é uma realidade, assim como inovações como inteligência artificial, IoT, machine learning, chatbots, entre muitas outras que estão possibilitando evoluções em todos os campos. Entretanto, tudo começa com a computação em nuvem.

Do lado das empresas de saúde, existem esforços constantes para reduzir custos ao mesmo tempo em que elas lutam para crescer, se desenvolver e ainda melhorar a qualidade dos serviços e do suporte fornecidos. O ambiente econômico e também operacional do mundo atual é desafiador, por isso, a tecnologia é o caminho para desviar desses obstáculos e ainda melhorar o atendimento aos pacientes e clientes.

O que vemos hoje é que a indústria da saúde está entre as que mostram maior resistência à implementação de inovações de última geração quando, na verdade, com o ritmo acelerado das transformações no comportamento dos clientes, a adoção de tecnologias como cloud computing deveria ser uma prioridade.

Não é novidade: o cloud computing possibilitou que médicos, farmacêuticos, clínicas e provedores de saúde proporcionem um nível de serviço muito mais alto a seus clientes. Por isso, é tão importante entender as suas vantagens e aderir à transição para a nuvem.

As vantagens da nuvem para a saúde e o atendimento ao paciente

As soluções de cloud computing fornecem sistemas de gestão de saúde para clínicas, hospitais e outros serviços com as mesmas funcionalidades que as ferramentas que precisam de manutenção de departamentos internos de TI ou softwares médicos locais que precisam ser instalados em cada computador, por exemplo. A diferença são os custos mais baixos, as vantagens da nuvem, a facilidade de integração com novas tecnologias e a flexibilidade. Para fazer tudo isso sem uma solução em nuvem, as empresas precisam de investimentos em hardware, software e times especialistas, ao contrário do que acontece com um CRM online.

Mobilidade, escalabilidade, redução de investimentos em infraestrutura, integração de diferentes áreas e acesso a informações a qualquer momento são apenas alguns dos benefícios do cloud computing. No caso da saúde, médicos e pacientes podem compartilhar as mesmas informações, a comunicação entre pacientes, membros e prestadores de cuidados pode acontecer em todos os canais, a experiência de cada paciente pode ser personalizada de acordo com suas preferências, necessidades, condições de saúde e perfil e todos os registros ficam conectados.

Pensando dessa forma em relação ao atendimento ao paciente, um dos grande diferenciais das ferramentas em nuvem é a melhor gestão das informações, que podem ser facilmente compartilhadas entre os times, incluindo exames, resultados e prontuários, como no caso dos prontuários eletrônicos, facilitando avaliações e diagnósticos. Assim, é possível aumentar a assertividade e reduzir o risco de extravio de documentos, por exemplo, ou perda do histórico do paciente, como as medicações e procedimentos já realizados.

Ainda, entre as soluções em nuvem, existem sistemas para clínicas, hospitais, médicos e provedores pensados e desenvolvidos de acordo com as necessidades do segmento de saúde, como o Salesforce Health Cloud. O Health Cloud auxilia você a descobrir o caminho para ter pacientes mais felizes e realizar uma melhor gestão de saúde, aproveitando todas as oportunidades e gerando insights para crescer, criar melhores relacionamentos e identificar novos desafios.

Quinta edição do relatório State of Service

Pesquisamos + de 8.000 agentes e líderes de atendimento ao cliente em todo o mundo para descobrir as tendências, prioridades e desafios que definem a profissão. Explore os principais insights abaixo.